Dicas e utilidades

Feliz Ano Novo com temporada nova :)

Ano novo, vida nova, blog novo. Ops, temporada nova no blog 🙂 Dei até uma repaginada no visual pra marcar bem esse novo momento. Agora mais clean e mais básico, mas continua e continuará cheio de conteúdo bom e do bem.

A ideia é compartilhar aqui tudo o que eu leio e pesquiso sobre alimentação, saúde e bem-estar, e outras coisitas mais. Anoto tudo em cadernos pessoais, notas no celular, arquivos no computador etc. E reunir tudo num só lugar vai me ajudar e pode ajudar mais alguém, então compartilhar infos boas nunca é demais.

Eu não sou médica, nutri, tampouco da área da saúde, mas amo ler, amo o assunto e sou ótima com pesquisas. Sempre procurei colocar aqui o que na minha opinião é bom e dá certo conforme as minhas experiências, então fica a critério de cada um o que tentar e o que não tentar, acreditar ou não acreditar. Combinado? Legal!

Acho a “máquina” corpo humano absolutamente magnífica e quanto mais eu pesquiso sobre ela, mais fico encantada. É tão incrível o quanto o ser humano é tão semelhante e tão diferente ao mesmo tempo, não é?! Eu me pego muitas vezes pensando sobre isso, e continuo achando o máximo.

Hoje em dia temos a internet e podemos contar com uma série de livros e pesquisas científicas que nos mostram vários fatores de saúde e longevidade, que são os motivos pelos quais me interesso tanto no assunto alimentação.

Longevidade com saúde = vida feliz

Tento equilibrar ao máximo minha alimentação por questões de saúde física e emocional. Cada um tem suas metas, critérios e formas de lidar com a alimentação. E cada um é cada um. Não é minha meta aqui falar o que cada um deve fazer ou não fazer. Só precisamos ter em mente o que a gente quer e correr atrás. Também temos que ter claro pra gente que a cada escolha, uma consequência. Ou seja, se alimentar mal = problemas de saúde. Se alimentar bem = saúde firme e forte. E isso não sou eu que estou falando, certo?

Acredito bastante que a alimentação pode literalmente mudar a vida de uma pessoa, seja mudando o físico ou seja mudando o emocional/psicológico. E eu também acredito que a gente consegue se livrar da maioria dos remédios se a gente souber controlar direito a nossa alimentação. Sabia que a nossa disposição tem tudo a ver com o que a gente coloca de combustível no nosso corpo (alimento que a gente ingere)? Pois é! Não vou mais prolongar por hoje, mas fica para o próximo post 🙂

Até lá!

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s