Receitas

Os pseudônimos do açúcar

O açúcar é muitas vezes fantasiado de outros nomes nos rótulos dos alimentos para confundir o consumidor e hoje vou organizar aqui todos os pseudônimos que pesquisei, li e encontrei até agora.

Na minha modesta opinião isso é uma sem vergonhice sem tamanho das indústrias alimentícias. Mas não vamos falar sobre isso agora. Por hoje vamos aprender os nomes que já vai ser um caminhão! Isso tudo não é por questões de emagrecimento, mas sim de saúde! Meu maior foco em buscar informações sobre alimentação e nutrição é saúde e qualidade de vida, o restante é consequência.

Bom, então vamos lá para os mais de 30 nomes:

  1. Refinado
  2. Cristal
  3. Demerara
  4. Mascavo
  5. Orgânico: só significa que a cana foi cultivada sem agrotóxicos, mas todas as químicas para produzir o açúcar estão ali.
  6. Sacarose
  7. Frutose
  8. Lactose
  9. Glicose
  10. Glucose
  11. Xarope de milho
  12. Xarope de malte
  13. Xarope de cana
  14. Xarope de alfarroba
  15. Xarope de arroz
  16. Nectar de agave
  17. Açúcar de confeiteiro
  18. Açúcar invertido
  19. Açúcar de beterraba
  20. Açúcar de côco
  21. Melaço
  22. Rapadura
  23. Stevia
  24. Xilitol
  25. Mel
  26. Maple
  27. Dextrano
  28. Galactose
  29. Maltose
  30. Dextrina
  31. Caramelo: açúcar ou xarope aquecidos até ficar castanho, usado como aromatizante ou colorante para alimentos ou bebidas
  32. Maltodextrina: o mais venenoso e largamente utilizado na indústria alimentícia. Tem altíssimo índice glicêmico, ou seja, é metabolizado de forma rápida causando picos de insulina no organismo e trazendo como resultado ganho de peso e diabetes.O índice glicêmico da maltodextrina é 130! Sim! Cento e trinta. Contra 68 do açúcar refinado, que já não é o melhor amigo da saúde. Mas como a maltodextrina não pode ser chamada de açúcar, a indústria manda ver neles sem dó nem piedade.
  33. Dextrose: a forma mais simples do açúcar e também causa picos de insulina no sangue.

Eu não quero causar nenhum tipo de pânico ou medo. Só quero esclarecer uma coisa que considero crucial na busca pela saúde. Sou sempre adepta e apoio totalmente o equilíbrio sem extremismos de banir totalmente algum alimento, mas com relação ao açúcar estou cada vez mais convencida que menos é mais. Menos açúcar é mais qualidade de vida e saúde! Menos não significa zero, mas sim uma redução drástica 🙂

Coloquei em negrito todos os que eu tento evitar ao máximo. Logo a gente volta com mais episódios sobre o açúcar, que dá assunto para dias 🙂

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s